Cursos

Acreditamos que o investimento no ser humano é a chave para a melhoria da qualidade do Serviço Público e por isso trabalhamos com cursos de formação para Oficiais de Justiça.

As palestras são voltadas à profissionalização e valorização da figura do Oficial e abordam aspectos práticos do trabalho desses profissionais. Os temas tratados incluem as habilidades comunicativas em diligência, controle emocional, redação de certidões, cumprimento de mandados e, mais recentemente, a atuação do Oficial de Justiça no processo eletrônico.

Nossas apresentações são flexíveis para se adaptarem a eventos de durações diferentes, desde seminários com uma palestra única a cursos de média duração.

Consideramos também o ensino a distância uma importante ferramenta de aprendizado pois se vale da motivação do interessado e proporciona a interação com colegas de polos distantes para a produção conjunta de conhecimento. O ensino pelo computador, além da economia de tempo de recursos, propicia maior aprofundamento dos temas tratados. Por essa razão realizamos também nossos cursos na modalidade EAD com o uso da plataforma Moodle em cada Tribunal.

Nossos cursos contemplam os seguintes conteúdos:

Comunicação em diligência

Técnicas de abordagem.
Domínio da linguagem.
Prevenção do conflito.

Aprimoramento da linguagem escrita

Técnicas de redação.
Correção gramatical.
Aperfeiçoamento visual de autos e certidões

Processo Eletrônico e a atuação do Oficial de Justiça.

Redefinição da função do Oficial de Justiça.
A utilização da informação eletrônica na instrução processual.
Processo Judicial Eletrônico – PJE.

Ferramentas eletrônicas de produtividade

A importância da qualificação em novas tecnologias.
Levantamento de informações on-line.
Recursos de informática a serviço do Oficial.

Pesquisa Patrimonial

O combate à fraude processual.
Ferramentas avançadas
Relatório de pesquisa.

Avalição Patrimonial

Técnicas de avaliação com ênfase em imóveis.
Fundamentação da avaliação no novo CPC.
Confecção do auto de avaliação.

Atos de força e situações especiais

Profissão de risco.
Gerenciamento de conflitos.
Os limites do uso da força.

Prevenção e redução do risco

A inteligência da informação.
O uso dos convênios e bancos de dados.
A utilização da informação eletrônica na diligência.

A segurança na prática

Procedimentos de segurança.
Equipamentos de proteção.
Análise de casos reais.

O papel do Oficial de Justiça na estrutura judiciária

Gerenciamento processual colaborativo.
Oficial de Justiça e os escopos processuais.
A redefinição da carreira.