Endereços – Dificuldade constante

Atualmente contamos com recursos para localização de endereços que vão muito além das informações dos vizinhos e dos catálogos telefônicos. O mundo do compartilhamento de informações e o esquadrinhamento de toda a superfície da terra com fotos de satélite nos colocam em uma posição privilegiada para localização de endereços e pessoas. Os convênios celebrados pelo Judiciário tais como Infojud, Renajud, Infoseg, além dos serviços privados de mapas como o Google Earth/Maps/Streetview, Bing Maps e aparelhos de GPS, que embora não dispensem a presença do Oficial de Justiça, são ferramentas poderosas de localização para evitar um grande número de diligências com resultado negativo.

Mesmo com todos os recursos disponíveis há endereços que nos desafiam, como aqueles que existem no papel, mas não na realidade. Apresentamos para o enriquecimento de todos um caso real que ilustra essa situação: o Oficial de Justiça utilizou a planta da cidade disponibilizada na Internet e comparou com as imagens de satélite do Google Earth para corroborar a sua constatação de inexistência do endereço indicado no mandado. Acreditamos que em questões técnicas, para além da fé pública do Oficial de Justiça, é interessante coletar dados da realidade que ilustrem e esclareçam os fatos constatados.

Clique aqui para ver o trabalho produzido pelo colega.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *